Reunidas renova sua frota em busca de retomar o mercado

A Reunidas enfrenta uma grave crise financeira há quase dez anos. No período entre 2010 e 2015 a empresa adquiriu apenas dois ônibus, o que não significa praticamente nada em meio a uma frota de mais de 300 veículos. Desta forma a idade média de sua frota ficou muito alta, pois possuía dezenas – até centenas – de unidades fabricadas ainda nos anos 1980 e 1990 em operação contínua.

Veículo ano 1997 retirado de circulação com a renovação de frota

No ano de 2015 a empresa vendeu várias de suas linhas; gerando assim alguma entrada significativa em seu caixa para renovar a sua frota. Além disso, houve o acréscimo de alguns veículos arrendados, transferidos para a empresa por algum investidor do estado de São Paulo.

Veículos incorporados a frota

Ao todo foram adquiridos ou arrendados 60 ônibus nos últimos dois anos. Estas unidades foram produzidas entre os anos de 2009 e 2015.

QuantidadeCarroceriaChassis
25Marcopolo Paradiso G7 1200Mercedes-Benz O-500RS
2Marcopolo Paradiso G7 1200Scania K-380
3Marcopolo Paradiso G7 1200Scania K-340
1Marcopolo Paradiso G7 1600 LDScania K-400IB
1Marcopolo Paradiso G7 1600 LDMercedes-Benz O-500RSD Euro V
12Marcopolo Viaggio G7 1050Scania K-310
10Marcopolo Paradiso G6 1550 LDScania K-380
3Marcopolo Paradiso G6 1800 DDScania K-380
3Marcopolo Paradiso G6 1800 DDMercedes-Benz O-500RSD

Alguns dos 60 veículos incorporados à frota. Fotos: Renato de Aguiar

Resultados

Não temos acesso a informações relativas a quantidade de passageiros ou índice de satisfação dos clientes, mas estas 60 unidades incorporadas à frota – ainda que seminovas – trazem uma melhora significativa na confiabilidade da Reunidas. Estes veículos entraram no lugar de ônibus dez ou quinze anos mais antigos, e são muito mais modernos, confiáveis e tecnológicos.

Além de reduzir a quantidade de linhas, com esta grande renovação em sua frota a Reunidas deixou de operar com seus veículos abaixo do ano 2000, pelo menos em linhas longas; o que era muito comum até 2015.

Esperamos poder voltar a ver a Reunidas adquirindo veículos novos, e que ela retome a importância e o respeito que teve até o início dos anos 2000.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *