LINHA DE ÔNIBUS DO GASPAR ALTO TERÁ MAIS TRINTA DIAS

A pressão dos moradores deu certo e a comunidade do bairro Gaspar Alto ganhou mais 30 dias para buscar uma solução definitiva para o transporte coletivo. Após uma conversa entre a Prefeitura de Gaspar, Seterb e Deter, a empresa Santa Teresinha decidiu prorrogar por 30 dias a operação da linha Gaspar Alto x Blumenau. O serviço será prestado até o dia 31 de outubro, prazo para que uma solução definitiva seja encontrada pelas partes envolvidas.

A presidente da Associação de Moradores do bairro Gaspar Alto, Ágata Baader, conta que já solicitou ao vereador Antônio Dalsochio que uma reunião entre Prefeitura, Seterb (órgão responsável pelo transporte coletivo de Blumenau) e Deter (órgão responsável pelo transporte intermunicipal) seja feita no bairro para definir quem pode assumir o transporte para aquela região. Pela comunidade, o serviço ficaria com o Consórcio Siga, operador do transporte blumenauense, com a extensão de uma linha que hoje vai até o limite entre os municípios.

Em entrevista ao Jornal Metas na semana passada, o diretor da Santa Teresinha Hermes Arthur Klann explicou que a decisão de não operar mais a linha se deve ao fato de ela ser muito deficitária financeiramente. O diretor de Transportes do Seterb, Larito Leite, demonstrou a mesma preocupação com a proposta feita pelos moradores. Segundo ele, o número de usuários no bairro é muito pequeno, sendo a maioria estudantes.

As conversas por parte do Município de Gaspar ocorrem pela diretoria de Transporte Coletivo e pela Secretaria de Educação, já que os alunos das séries finais do Ensino Fundamental do bairro estudam em um colégio do Distrito do Garcia em Blumenau, já que a distância é muito menor do que as escolas gasparenses que ofertam essas séries.

Fonte: Jornal Metas / Texto: Giovanni Ramos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *